segunda-feira, 20 de outubro de 2008

Um Decreto de Nosso Senhor aos Sacerdotes


Queridos amigos, esta mensagem me chamou a atenção, observem bem a advertência dada aos sacerdotes do mundo inteiro. 

Porque não se prega mais sobre as realidades eternas? Porque não se fala mais nas homilias sobre os novíssimos do homem? Porque não há mais pregações fecundas? Ó sacerdote de Cristo, espere que
este aviso chegue também ao seu conhecimento. Para o vosso bem, e para o bem do rebanho na qual Nosso Senhor confiou a ti. Leiam:
  


A Palavra

Mensagem recebida pelo confidente católico Bento da Conceição em 20.10.08

Um decreto assinado por Mim é muito mais do que qualquer outro documento, quando se trata de assunto que envolve principalmente a pessoa que não dá a mínima importância pelo cargo que sai daqui. A pessoa predestinada por Mim, por exemplo, um padre que não liga de se preparar antes da celebração da Santa Missa, e que depois não sabe o que diz, pode essa pessoa se comprometer a perder a sua alma, por estar na frente dirigindo os fiéis. Os Meus assuntos não estão sendo preparados, esquece o que tem de fazer, que é falar somente a verdade e não misturar as coisas sagradas, ou também deixar de confessar as pessoas. A razão de tudo isto é a falta de obediência. Um representante Meu tem que agir conforme está escrito nas Escrituras, e não falar aquilo que não convém. Um cargo se dá à pessoa quando faz um serviço bem feito. Mas tem um porém, também tem muitos sacerdotes que falam bem declarado, mas depois fogem da realidade, se comprometendo com outros afazeres que não são Meus, deixando de lado o Meu serviço para se comprometer com outros assuntos. A palavra de Deus só pode sair da boca de um enviado Meu que tenha hombridade de assumir com muita honra, devido o compromisso que assumiu no dia que foi dado o título de sacerdote.
Por isso a vós todos Eu, Jesus, peço, cumpram com as suas obrigações para receberem o que merecem, pelo bom serviço prestado a Mim. Do contrário, na Minha frente te chamarei de servo infiel, porque desviastes do que te mandei fazer e do que não devias ter feito, fugindo da realidade para satisfazer a tua vontade e não a Minha.
Agora pense bem neste decreto que estou enviando a todos os sacerdotes. Se vieres Me atender, ainda tens só um pouco de tempo, mas se Eu te encontrar com outros afazeres, depois não Me culpe. Todo pecado posso perdoar, mas um enviado Meu que vier deixar de fazer o que venho pedindo, não terá parte Comigo agora nesta vida e nem na outra.

Jesus e Pedro II

3 comentários:

Estivenson disse...

Fábião !

Parabéns pelo blog !

Seu blog é interativo, direto e rico em informações, assim como você é!

Desejo sucesso e que este alcance os objetivos.

Um Abraço do Amigo da Johnson.

Estivenson Fernandes

Dani Costa disse...

Olá Fabio, td bom?
Gostei de seu blog!
Gostaria de ler algo sobre São Domingos Sávio,seria muito interessante!! gostaria também de ler algo sobre São Bento e a Medalha!

Obrigada! Abraço...

A PALAVRA VIVA DE DEUS - "Os Ceifadores" disse...

legal e interrante seu blog...